Filiado à

(48)3222-4552

Geral

Projeto pretende estender a insalubridade dos servidores públicos para 40% enquanto durar o estado de calamidade
22/05/2020

O projeto de lei 181/2020, em tramitação na Alesc, propõe o pagamento de adicional de insalubridade aos servidores públicos estaduais que estejam exercendo atividades em instituições de saúde e que atendam pacientes suspeitos ou contaminados pela Covid-19. O projeto não prevê esta extensão do adicional para os trabalhadores CLT, pois isso precisaria ser feito através de lei federal. Para os servidores, o texto prevê o benefício enquanto durar o decreto de estado de emergência por conta da pandemia.

 

O autor da proposta é deputado Neodi Saretta (PT). Como justificativa, o parlamentar cita os mais de 10 mil casos confirmados ou suspeitos do novo coronavírus entre os profissionais de saúde no país.

 

O SindSaúde/SC compreende que o projeto é importante e necessário, mas vale reiterar que a categoria da saúde já está com quatro datas-bases atrasadas e que o sindicato tem buscado nas negociações com o governo uma resposta que realmente valorize os servidores, para além da pandemia.

 

E fundamental que as servidoras e os servidores ajudem a pressionar os parlamentares para aprovarem o projeto e que participem das lutas do SindSaúde/SC pela pauta da categoria da saúde.

 

*Saiba mais sobre o projeto:*

➡ Veja no Facebook da Alesc: https://bit.ly/FB_PL181-2020

 

📋 Conheça o PL: bit.ly/pl181-2020

 

*SindSaúde/SC, em defesa da vida e pela valorização da categoria da saúde!*

[ Mais Notícias ]

(48)3222-4552

Rua Frei Evaristo, 77 - Centro - Florianópolis/SC

Rua Castro Alves, 673, Saguaçu - Joinville/SC - CEP: 89221-100 - (47)3025-6444

Rua Sebastião Furtado, 35, Centro - Lages/SC - CEP: 88501-140 - (49)3018-3501

Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimento de Saúde Pública Estadual e Privado de Florianópolis e Região